Mestrado

Título: UM COMPARATIVO DE ARQUITETURAS DE SOFTWARE DE MICRO SERVIÇOS EM RELAÇÃO ÀS ARQUITETURAS MONOLÍTICAS EM AMBIENTES CORPORATIVOS

Orientador: Prof. Dr. Sebastião Ribeiro Júnior
Co-orientador: Prof. Dr. Rodrigo Clemente Thom de Souza

Resumo

Com o aumento da informatização, adoção à mobilidade, computação em nuvem e softwares como serviço, os sistemas vêm requisitando diferentes características das tradicionais implementações para adoção desses conceitos, pois tais atributos trouxeram novos desafios para a arquitetura de sistemas, como flexibilidade no escalonamento, alta disponibilidade e constantes integrações entre sistemas. A partir de 2012, iniciou-se o surgimento de novas práticas de subdivisão de grandes estruturas de softwares em pequenas estruturas, posteriormente nomeadas de arquitetura de micro serviços, que apresentam conceitos de softwares flexíveis a mudanças, a escalonamento e com integrações entre sistemas como essência. Contudo, na maioria dos sistemas atuais, são aderidos o conceito de softwares monolitos, nos quais toda solução se encontra em uma única estrutura de software, o que ocasiona menor flexibilidade na arquitetura do sistema, para atingir as características de softwares já mencionadas. A partir disso, esta pesquisa aplica os conceitos de decomposição de softwares propostos pela arquitetura de micro serviços, em duas diferentes abordagens, com comunicação síncrona e assíncrona, por meio das quais são demonstradas as diferentes atuações das comunicações entre os serviços, que possuem comportamentos distintos, como: maiores tempos de execução, quando remotas e divergência no tamanho de código-fonte. Comparada às soluções monolíticas, os micro serviços apresentam maior adesão às características mencionadas acima de flexibilidade, escalonamento, alta disponibilidade e integração com outros sistemas, pois sua essência é de uma arquitetura com maior flexibilidade, no entanto há o custo a nível de código fonte para adoção a essa estrutura flexível, onde o código fonte pode alcançar quantidades de linhas de código e complexidade ciclomática superiores que o dobro, quando comparadas. Com isso, a pesquisa apresenta a superioridade da arquitetura de micro serviços em satisfazer características de modificabilidade, interoperabilidade, disponibilidade e escalabilidade em relação a arquitetura monolítica, contudo com elevada inferioridade no atributo manutenibilidade.

Link da dissertação completa: download

 

Anúncios